Alunos de Olhão foram à Sicília em missão solidária

O voluntariado junto dos mais desfavorecidos foi o mote principal de todo o trabalho desenvolvido nesta atividade.

A Escola EB I/JI José Carlos da Maia, em Olhão, voltou a sair do país no âmbito de um projeto Erasmus+ KA2. Desta vez, entre os dias 9 e 16 de fevereiro, e no âmbito da segunda atividade de aprendizagem do projeto «Open youreyes, open your heart!», a comunidade escolar visitou Montreale, na Sicília, Itália. O principal objetivo é sensibilizar os alunos envolvidos para a importância do voluntariado, nas áreas da saúde, natureza, população desfavorecida.

Nesta segunda atividade, todo o trabalho desenvolvido centrou-se na área do voluntariado junto dos mais desfavorecidos, em concreto os imigrantes, que em grande número escolhem Itália como país de acolhimento. Os alunos passaram uma tarde num centro de acolhimento de imigrantes e assistiram ao seminário «Integração de imigrantes e o fosso cultural».

Durante esta semana, os grupos de alunos e professores dos países participantes (Espanha, Portugal, Itália, Polónia e Finlândia) tiveram também a oportunidade de conhecer a cultura e património sicilianos, visitando Palermo, Mondello, Trapani e as cidades medievais de Erice e Cefalù. Nesta última o grupo assistiu a um espetáculo de marionetas, uma vincada tradição siciliana.

Os alunos foram acolhidos nas casas de famílias italianas, «onde foram muito bem recebidos, tendo sido criados laços de amizade que perdurarão durante muito tempo». A próxima atividade de aprendizagem deste projeto terá lugar no próximo mês de maio, na Finlândia.

Categorias
Educação
Últimas


Relacionado com: