Convocado para sábado mais um protesto à porta do Hospital de Faro

A Comissão de Utentes do Serviço Nacional de Saúde (SNS) de Faro convocou para este sábado, dia 24 de março, às 15h30, uma concentração em frente ao Hospital de Faro (junto ao portão da farmácia), apelando à participação «de utentes, profissionais de saúde e de toda a população do Sotavento algarvio» neste protesto, no qual «será exigida ao governo uma resposta aos problemas identificados» naquela unidade. Em nota enviada à imprensa, a comissão argumenta que «a criação do Centro Hospitalar do Algarve – CHA, agora CHUA, também com a designação de Universitário, não veio em nada melhorar a situação dos hospitais regionais, sendo que em relação Faro, os muitos problemas que tinha, não só não se resolveram, como se agravaram».

Acresce ainda que «a falta de condições de trabalho e atendimento no Hospital e nos Centros de Saúde de Faro, os atrasos nas consultas e cirurgias, o estado do serviço de urgências, a gritante falta de médicos, enfermeiros e auxiliares que tardam em ser contratados, juntam-se às justas reclamações de utentes e profissionais». Na perspetiva dos utentes, «foram criadas condições para uma gradual transferência dos cuidados de saúde para os grandes grupos privados que operam no sector, e que sobrevivem à custa dos bolsos dos doentes e dos recursos públicos que são desviados do SNS». A Comissão entende que se trata «de uma luta justa e necessária» e que «não pode deixar de se manifestar» nem de exigir «ao atual governo as respostas que tardam».

Categorias
Saúde


Relacionado com: