TAP «abraçou» Portugal na Madeira

Em maio de 2017, a TAP surpreendeu o país com a campanha «Abraçar Portugal». Os primeiros bebés nascidos a 7 de maio, data em que se celebra o Dia da Mãe, receberam um voucher para uma viagem em 2018. A iniciativa decorreu nos distritos que dão nome aos aviões da frota TAP Express, incluindo Faro.

A companhia aérea honrou o prometido, levando pais e filhos ao Funchal, dias 6 e 7 de maio. O «barlavento» acompanhou a comitiva, ainda que a família algarvia premiada, de Quarteira, tenha perdido o voo.

Mesmo assim, houve oportunidade para aproximar as duas regiões. Roberto Santa Clara, presidente da Associação de Promoção da Madeira afirmou que «o Algarve é uma região amiga com quem temos fortes relações».

Sobre o evento da TAP, organizado em parceria, «foi possível montar uma ação que atinge dois grandes objetivos, sem grandes investimentos. Primeiro, mostrou que a Madeira é um destino amigo das famílias, pois no passado teve alguma conotação como sendo um destino sénior. Por outro lado, mostrou que a poucas horas de Lisboa, Porto, ou mesmo a partir de Faro, é possível fruir de um conjunto de experiências diversificadas», disse ao «barlavento».

Roberto Santa Clara, presidente da Associação de Promoção da Madeira.

E tal como o Algarve, «a Madeira tem pela frente um ano particularmente desafiante. É público e conhecido que enfrentamos três falências de companhias aéreas (Monarch, Air Berlin e Niki) que nos afetam mais de 150 mil lugares, do Reino Unido e Alemanha. Esses dois mercados decresceram de forma muito significativa. É um ano difícil, para redobrar esforços no sentido de recuperar essas ligações. Com nova oferta hoteleira a surgir, é preciso fazer com que a Madeira tenha sustentabilidade, para que possa vir a crescer no futuro, não só em quantidade, mas sobretudo em valor», disse. Roberto Santa Clara também piscou o olho ao mercado interno. «Temos apostado na recuperação do mercado português, continental e açoriano, que tem crescido quase sempre a dois dígitos desde 2016. Hoje em dia é prática e fica bem dizer que os destinos sabem receber bem. Felizmente a Madeira já recebe bem há muitos séculos, e faz disso uma grande vantagem competitiva». Tal como o Algarve.

Categorias
Regional


Relacionado com: