Portimão vai contar as histórias da História de Portugal

A Câmara Municipal de Portimão e a Casa Manuel Teixeira Gomes promovem, ao longo de 2017, um inovador ciclo de conferências intitulado «Histórias com História» com a participação de historiadores, investigadores locais e, nos casos de acontecimentos contemporâneos mais recentes, testemunhas.

«Há datas da História de Portugal que merecem ser recordadas. Muitas fazem parte do nosso imaginário, mas persiste, sobretudo nas gerações mais novas, um certo desconhecimento sobre o significado e a importância desses acontecimentos», justifica a autarquia portimonense, em nota de imprensa.

O ciclo de conferências, que decorrerá na Casa Manuel Teixeira Gomes, arranca no final janeiro em data histórica, a propósito da primeira revolução republicana – episódio conhecido como o 31 de Janeiro de 1891.

«Na primeira revolução republicana, militares de unidades do Porto sublevam-se com o objetivo de acabar com a Monarquia Constitucional e instaurar um regime republicano. Mas a revolta, desordenada, acaba por ser dominada pela Guarda Municipal – que chega a disparar contra uma multidão concentrada na Praça da Batalha. Embora fracassada, a revolta terá importantes reflexos no movimento republicano: desencadeia um processo revolucionário que culmina na revolução de 5 de Outubro de 1910», explica a organização.

Assim, ao ritmo de uma vez por mês, uma personalidade pública será convidada para apresentar uma dissertação,  sempre que possível fazendo coincidir a data histórica com o tema a debater. Será um ciclo de divulgação de conteúdos históricos através de uma análise contemporânea feita por oradores da esfera intelectual, militar e política portuguesa, no ano em que se comemora 43 anos de democracia.

Segue-se, em fevereiro, a história que rodeou em plena ditadura o lançamento de «Portugal e o Futuro» – o livro do general António de Spínola que inspirou a revolução de 25 de Abril de 1974. O convidado desta sessão será o Coronel Carlos Matos Gomes. Até novembro, serão abordados: a tentativa de golpe de Estado (março); as primeiras eleições livres (abril); as aparições de Fátima (maio); a Segunda Guerra Mundial no Algarve (junho); a Instauração da República (outubro) e a Operação Vagô – que consistiu no primeiro desvio de um avião comercial pelo revolucionário algarvio Palma Inácio (novembro). Cada um dos acontecimentos históricos, selecionados de acordo com os meses em que ocorreram, terão sempre que possível, protagonistas – que recordam as histórias, muitas delas desconhecidas ou ainda por contar.

Categorias
Regional


Relacionado com: