PJ detém suspeita pelo crime de incêndio florestal na Conceição de Tavira

Foi detida uma mulher pela presumível prática de dois incêndios florestais na zona da Conceição de Tavira.

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Sul, identificou e deteve a presumível autora de dois incêndios florestais ocorridos na zona da Conceição de Tavira nos dias 22 de julho e 16 de agosto.

A suspeita terá ateado os fogos movida por estado depressivo em que se encontra. O incêndio consumiu uma vasta área de mato e pinheiro manso, não tendo tomado maiores proporções dada a pronta intervenção dos bombeiros locais.

A detida, de 39 anos de idade e residente na zona das ocorrências, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

No corrente ano a Polícia Judiciária já identificou e deteve 76 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Categorias
Regional


Relacionado com: