Jovens e entidades de Faro oferecem bens às vítimas dos incêndios

Município agradece a solidariedade de toda a população.

Passados 10 dias dos fatídicos incêndios que assolaram o país, o município de Faro agradece publicamente «a todas as entidades envolvidas na campanha de recolha e de entrega de bens destinados às populações afetadas pela tragédia ocorrida nos dias 14 e 15 de outubro, que ontem foram entregues em diversos pontos», segundo informa a autarquia em nota de imprensa, enviada hoje, 26 de outubro.

A ideia para esta iniciativa solidária de ajuda às vítimas dos incêndios partiu de um grupo informal de jovens denominado «Reage e ajuda- Faro com as vítimas dos incêndios», ao qual a Câmara Municipal de Faro se associou desde a primeira hora, bem como as seguintes entidades: Associação PRAVI, Hostelicious Faro, Iberfaro, Restaurante «O David», Transbesouro – transporte de mercadorias, Lda. e Storage de Abílio Lúcio.

Os bens recolhidos foram transportados por um camião TIR cedido graciosamente pela «Transbesouro» e foram entregues ontem em Tábua, Arganil e Paradela da Cortiça.

O volume recolhido demonstra bem a onda de solidariedade gerada entre os farenses e algarvios: mais de uma tonelada de roupa; 800kg de alimentos, 300kg dos quais para animais; vários tipos de medicamentos; 108 colchões; 50 televisores; vários electrodomésticos; artigos de ortopedia e mobilidade e, ainda, mobiliário diverso.

O município de Faro, que prestou o seu apoio a nível logístico e administrativo, enaltece o apoio solidário prestado pelo grupo de jovens «Reage e Ajuda», pelas «entidades concelhias acima referidas e pelos munícipes, manifestando ainda o seu mais profundo agradecimento».

Categorias
Regional


Relacionado com: