PSD/Portimão leva problemática em Viaduto do Vau a reunião de Câmara

A recém-eleita Comissão Política do PSD/Portimão começou a trabalhar poucos dias após a sua eleição, com objectivo de tornar o PSD mais próximo dos portimonenses, reforçando a política de contacto direto e presencial junto da população das 3 freguesias do município.

Sempre com uma ótica de política construtiva e pela positiva, promovendo tudo o que o município tem de bom para oferecer mas primordialmente com o objetivo de identificar aspetos que poderão ser melhorados ou dificuldades sentidas pelos portimonenses, a estrutura social-democrata irá elencar com efeitos imediatos os problemas do concelho que surjam.

Com pragmatismo, e numa das visitas efetuadas em dias recentes, foi detetada a degradação de parte da estrutura de betão do viaduto do Vau, infraestrutura cuja manutenção está a cargo do município de Portimão.
Após análise por parte de um técnico especializado, para rigor e seriedade da preocupação assinalada pelo PSD, verificou-se desagregação e fissuração do betão e, consequentemente, infiltrações. Devido às infiltrações verificadas no local, é possível assinalar na base do viaduto (lado poente) que as armaduras se encontram corroídas levando, devido à sua expansão, à desagregação do betão na área visível.

Pró-ativamente, o Vereador social-democrata, Manuel Valente, apresentou em reunião de Câmara do passado dia 06/02/2018 a preocupação sobre esta matéria que, ainda era de desconhecimento do executivo socialista, tendo sido assim benéfica a atuação do PSD/Portimão para os munícipes.

Foi proposto pelo Vereador do PSD uma análise mais profunda dos danos, com vista a obter informação sobre a propagação da corrosão das armaduras em profundidade, assim como desagregação e fissuração do betão e deteção da origem das infiltrações.

«A manutenção dos ativos do município é uma preocupação nossa como força política mas também como cidadãos que se preocupam com Portimão, como é obvio», afirmam os social-democratas, concluindo que «numa época em que a manutenção preventiva deve imperar, reduzindo custos com a conservação dos ativos do município e ao mesmo tempo garantindo a segurança dos mesmos, este tipo de inspeções são de uma importância fundamental. Muito provavelmente a segurança do viaduto não estará comprometida com as anomalias identificadas mas uma deteção antecipada destas infiltrações [que existem há muito tempo segundo moradores] permitiria uma intervenção com custos muito mais reduzidos dos que uma intervenção perante o cenário atual. Pela conhecida situação financeira do município, e até pela realidade económica à escala global, não nos podemos dar ao lado luxo de deixar as coisas chegarem a este estado tendo como consequência custos acrescidos com a reparação», refere o presidente da Comissão Política Concelhia do PSD/Portimão, Carlos Gouveia Martins.

Categorias
Política


Relacionado com: