O Dia Mundial do Turismo segundo Desidério Silva

Mensagem do presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA).
Desidério Silva, presidente da Região de Turismo do Algarve e Paulo Pinheiro, CEO do Autódromo Internacional do Algarve.

No próximo dia 27 de setembro, celebramos o Dia Mundial do Turismo, centrado no tema da sustentabilidade, pois 2017 foi designado Ano Internacional do Turismo Sustentável pela Organização Mundial do Turismo (OMT).

Os destinos turísticos de todo o mundo receberam, no primeiro semestre deste ano, 598 milhões de turistas internacionais, o melhor resultado semestral desde 2010. O Algarve registou até julho perto de 11 milhões de dormidas, um aumento de 7,3 por cento face ao mesmo período do ano passado.

O turismo assume-se hoje como um dos pilares da economia mundial, com um papel determinante para o progresso, a inclusão e o bem-estar social. É inquestionável que o turismo é, atualmente, uma ferramenta para o desenvolvimento, pelo seu papel na promoção do emprego, da paz e segurança, da redução da pobreza, na preservação do património cultural e histórico das comunidades, e no uso racional dos recursos naturais.

O país, e o Algarve, em particular, enquanto principal destino de férias a nível nacional, assiste a um aumento da procura turística. É necessário que este crescimento se faça de forma sustentável, para não pôr em risco o destino a médio e longo prazo, destruindo o trabalho laborioso que a grande maioria dos agentes do setor tem feito em prol da região.

É com satisfação que o Algarve se tem assumido como um destino modelo no que toca à sustentabilidade turística. Ao longo dos anos, temos vindo a focar os nossos esforços na consciencialização dos agentes do sector e da população em geral sobre a importância do turismo sustentável. Um aumento do número de turistas deve ser acompanhado por um cuidado redobrado no que toca à proteção ambiental e social, à preservação da cultura, dos recursos naturais, do património histórico.

É, pois, necessário encontrar o equilíbrio que nos permite receber mais turistas, satisfazendo as suas expectativas, e ao mesmo tempo assegurar uma melhor qualidade de vida para a população local, permitindo que os turistas desfrutem da riqueza e da diversidade cultural que o Algarve tem para oferecer, e em simultâneo, que os residentes tenham capacidade e apetência para acolher mais turistas.

A Região de Turismo do Algarve (RTA) está consciente que o turismo sustentável é de uma importância vital para uma região como o Algarve, cujos atrativos turísticos se prendem essencialmente com os seus recursos naturais e a sua cultura. Assim, a RTA tem vindo a orientar a sua estratégia de forma a direcionar a indústria turística para um desenvolvimento sustentável, pois um sector turístico bem estruturado e administrado contribui significativamente para um desenvolvimento local estável e duradouro.

O Dia Mundial do Turismo 2017 apresenta-se assim como uma oportunidade única para aumentar a consciencialização sobre a contribuição do turismo sustentável para o desenvolvimento, ao mesmo tempo que mobiliza todos os agentes do sector para que trabalhem juntos para um crescimento positivo e harmonioso do Algarve.

Desidério Silva

Categorias
Opinião


Relacionado com: