Tartaruga salva em Alfanzina

Uma tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea) presa a uma arte de pesca, a cerca de três milhas a sul do Farol de Alfazina. no concelho de Lagoa, foi salva pela empresa marítimo-turística Dream Wave, cerca das 13 horas de quinta-feira, 8 de setembro. O animal media entre 2 a 2,2 metros de comprimento e pesava certamente mais de 200 quilos. A rápida intervenção da tripulação de uma das embarcações (Helder Lucio e Luis Marcelo) da empresa permitiu libertar a tartaruga, contribuindo assim para salvar um exemplar de uma espécie em vias de extinção. A identificação correta foi feita pela bióloga Sara Galego e 40 turistas assistiram ao salvamento.

Categorias
Ambiente


Relacionado com:

  • A Raça Bovina Algarvia: mito ou realidade?

    Quem no Algarve viveu da agricultura antes dos anos 1970, lembra-se certamente de bovinos característicos da região, utilizados para trabalho e carne, e até leite para populações locais. Poderá...
  • Cinefilia

    Não haverá, porventura, ninguém que num dado momento da sua vida não tenha sonhado com o mundo do cinema, fazer parte do mesmo! No que, pessoalmente, me toca, a...
  • Joaquim

    Hoje, o céu está maior. Mais uma estrela brilha por lá. Partiu sereno, tranquilo e com a dignidade com que sempre viveu. Desde muito novo, imaginou e criou. Viu...
  • Turismo: um modelo à procura da centralização?

    A pergunta é legítima e tem plena razão de ser. Nos últimos anos, Lisboa procurou encontrar no turismo uma espécie de galinha dos ovos d’ouro, algo que, com muito...