Tavira volta a ser capital da Dieta Mediterrânica

A V Feira da Dieta Mediterrânica, no centro histórico de Tavira, ao longo das margens do rio Gilão e colina genética do alto de Santa Maria, realiza-se a partir desta quinta-feira, 7 de setembro, até ao domingo, dia 10.

A programação tem atrativos para todas as idades e públicos. Assim, além da feira institucional, há mercado de produtores, concertos, teatro e danças mediterrânicas, arruadas filarmónicas e charangas, oficinas culinárias, aconselhamento cardiovascular e nutricional, atividade física, jardim mediterrânico com espécies botânicas, exposições de sementes e variedades endógenas, jogos e espetáculos para crianças, conferências e conversas sobre temáticas relacionadas com a Dieta Mediterrânica.

Dos concertos agendados para a Praça da República, todos os dias às 22h30, destacam-se os Deolinda (dia 7), o espanhol Miguel Poveda (dia 8), Raquel Tavares (dia 9) e a banda HMB (dia 10).
Sangre Ibérico, Monda, António Chainho, Savina Yannattou (Grécia) e Capitão Fausto atuam, no palco do Castelo. Já a guitarrista Marta Pereira da Costa sobe ao palco na Igreja Misericórdia.

Na Igreja das Ondas as sonoridades serão as da flauta, a voz e guitarra mediterrânicas de Isa Peixinho e Jorge Anacleto, os temas e danças do mediterrâneo com Yan Mikirumov e Marco Fernandes, a harpa de Helena Madeira e o coro Jubilate Deo.

Para o público mais jovem foi pensado um programa especial, com o Largo do Brincar, um espaço para contos tradicionais com António Fontinha, Marionetas Mandrágora e Companhia Valdevinos, o espetáculo «Mão Verde» com música de Pedro Geraldes, as lengalengas cantaroladas por Capicua e outras surpresas.

A gastronomia mediterrânica, com sabores do mar e da terra, está em evidência na «Praça da Convivialidade», localizada junto ao Castelo de Tavira, no Parque do Palácio da Galeria. Também os restaurantes do litoral, do barrocal e da serra se associa à Feira da Dieta Mediterrânica e apresentam, ementas alusivas.

O chef Vitor Sobral, embaixador gastronómico do projeto Medfest, terá a responsabilidade de iniciar o programa de quatro dias da celebração da Dieta Mediterrânica. Tradição e sabores milenares, mas também inovação, novos produtos, receitas e experiências sensoriais únicas marcam esta edição do Mercado da Ribeira, um espaço de demonstrações gastronómicas no recinto da feira. O programa completo pode ser consultado online aqui.

Categorias
Destaque


Relacionado com:

  • A Raça Bovina Algarvia: mito ou realidade?

    Quem no Algarve viveu da agricultura antes dos anos 1970, lembra-se certamente de bovinos característicos da região, utilizados para trabalho e carne, e até leite para populações locais. Poderá...
  • Cinefilia

    Não haverá, porventura, ninguém que num dado momento da sua vida não tenha sonhado com o mundo do cinema, fazer parte do mesmo! No que, pessoalmente, me toca, a...
  • Joaquim

    Hoje, o céu está maior. Mais uma estrela brilha por lá. Partiu sereno, tranquilo e com a dignidade com que sempre viveu. Desde muito novo, imaginou e criou. Viu...
  • Turismo: um modelo à procura da centralização?

    A pergunta é legítima e tem plena razão de ser. Nos últimos anos, Lisboa procurou encontrar no turismo uma espécie de galinha dos ovos d’ouro, algo que, com muito...