Novo livro mostra fotos de Tavira no século XIX

Luís de Melo e Horta, há muito ligado à comunicação social no Algarve, diretor do extinto Jornal do Sotavento, vai apresentar o livro «Tavira e os Andrades – 120 anos de Fotografia», no sábado, dia 12 de agosto, no auditório do Clube de Tavira, às 17 horas.

Dois irmãos – José Damasceno de Andrade e Apolinário Cândido de Andrade, ambos naturais do concelho de Castro Marim, procuraram Tavira onde se radicaram como fotógrafos profissionais, uma arte que dava então os primeiros passos. O primeiro chegou a esta cidade nos últimos anos do século XIX, e o segundo, o mais novo, seguiria o mesmo caminho, cerca de uma década depois.

Entretanto, a descendência de Apolinário Andrade haveria de assegurar, até ao presente e sem interrupções, o exercício desta atividade em Tavira. O que garante um consequente registo de 120 anos de fotografia. Esse desempenho «originou um manancial de informação com base em imagem, que a quarta geração da família Andrade está a reunir, preservando, assim, a história de Tavira, tanto sobre pessoas, como nos acontecimentos mais relevantes», revela o autor.

Categorias
Cultura


Relacionado com: