Ensemble «Le Voci delle Grazie» estreia-se no país em Vila do Bispo

Está a decorrer na Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe, em Vila do Bispo, a VI Edição do ciclo de música antiga «Sons Antigos a Sul». Este é um projeto anual da Academia de Música de Lagos para promoção e divulgação da Música Antiga no Algarve. Em 2017, a programação estende-se ainda para à Igreja Matriz de Monchique, consagrada a Nossa Senhora da Assunção.

Integrada neste ciclo, a Ermida de Nª Sra de Guadalupe irá receber a estreia em Portugal do Ensemble «Le Voci delle Grazie» (Holanda / Portugal), na sexta-feira, dia 18 de agosto, pelas 17 horas.

«Le Voci delle Grazie» é um jovem ensemble de música de câmara conjugando a soprano Bethany Shepherd, a mezzosoprano Laura Lopes com o baixo contínuo do cravista Mariano Boglioli, a viola da gamba de Garance Boizot, a harpa de Kit Spencer e a teorba e alaúde de Talitha Witmer.

Dirigido por Laura Lopes, o programa «Dialogo delle due Marie» tem como tema a morte de Jesus aos olhos das duas figuras femininas fulcrais na sua vida: a Virgem Maria e Maria Madalena. A dor conjunta destas duas Marias é consagrada no dueto de Legrenzi Dialogo delle due Marie, inspiração para este programa de concerto: após a crucificação de Jesus, as duas Marias refletem sobre o sofrimento de uma vida sem Ele, e rezam pela salvação. Para complementar os lamentos e diálogos, neste concerto escolhemos hinos marianos e obras instrumentais que espelham as possibilidades tímbricas que podem colorir o som do ensemble «Le Voci delle Grazie».

A iniciativa conta com o apoio da «Quinta do Barranco Longo» e integra o DiVaM, o programa de dinamização e valorização dos monumentos promovido anualmente pela Direção Regional de Cultura do Algarve.
Este festival de música tem o Rótulo de qualidade EFFE – Europe for Festivals, Festivals for Europe, da European Festivals Association, apoiado pela União Europeia.

Categorias
Cultura


Relacionado com: