• Carlos Fiolhais explica Prémio Nobel da Física 2017 em Lagos

    O Centro Ciência Viva de Lagos (CCVL) retoma as conversas «6as com ciência» já no próximo dia 19 de janeiro, pelas 20h30. Nesta primeira ação de 2018, o Centro convidou o físico recentemente galardoado com o Grande Prémio Ciência Viva 2017, Carlos Fiolhais, figura singular no panorama científico português,...
  • Sistema de monitorização da Rocha da Pena e Fonte da Benémola ganha prémio INCF 2017

    O município de Loulé voltou a destacar-se no contexto nacional pelas boas práticas ambientais. A candidatura do projeto de «Implementação de um sistema de monitorização de visitantes e de comunicação nas Paisagens Protegidas Locais da Rocha da Pena e da Fonte da Benémola» recebeu esta quinta-feira, em Lisboa, uma...
  • «Lua Azul» no céu de janeiro de 2018

    No primeiro dia do ano Mercúrio atinge a sua maior elongação (afastamento relativamente ao Sol) para oeste, sendo uma boa ocasião para observá-lo antes do amanhecer. No mesmo dia a Lua atinge o perigeu: o ponto da sua oŕbita mais próximo da Terra. Por tal suceder duas horas e...
  • Inframoura adere à mobilidade elétrica responsável

    São dois os motociclos elétricos adquiridos pela empresa municipal responsável pelas infraestruturas públicas de Vilamoura, num investimento superior a 11 mil euros que permitiu substituir antigos veículos consumidores de combustíveis fósseis. Em média, são cerca de 60 quilómetros percorridos em cada dia útil por esta dupla de veículos 100...
  • Investigadora da UAlg premiada pela European Association for Cancer Research

    Joana Apolónio, investigadora do Centro de Investigação em Biomedicina (CBMR) da Universidade do Algarve, a desenvolver trabalho no grupo de Epigenética e Doença Humana, liderado por Pedro Castelo-Branco, acaba de ganhar uma bolsa atribuída pela European Association for Cancer Research. O apoio, concedido a investigadores em início de carreira,...
  • União Europeia bate recorde na produção de energia eólica

    De 23 a 26 de dezembro, mais de 1/5 do consumo elétrico na União Europeia (UE) foi abastecido pela produção eólica, que atingiu um novo máximo histórico. De acordo com dados da WindEurope (Associação Europeia de Energia Eólica), a eletricidade eólica produzida naquele período foi suficiente para abastecer 21%...
  • ALGAR renova certificações

    A Algar, S.A., empresa responsável pela valorização e tratamento dos resíduos sólidos urbanos produzidos nos 16 municípios algarvios, renovou a certificação do Sistema Integrado de Gestão da Qualidade, Ambiente e Segurança implementado, com transição para os novos referenciais normativos NP EN ISO 9001:2015 (Qualidade) e NP EN ISO 141001...
  • «A minha razão de viver é dar alegria através da cor» diz Rosa Pereira

    Rosa Pereira nasceu no Porto, começou na pintura há 43 anos, andou pelo mundo e acabou por escolher Portimão para viver e pintar, porque lhe fornece o calor, o sol e a luz de que necessita. O seu percurso artístico soma 49 exposições individuais (incluindo duas na Casa Manuel...
  • Quercus e ONGs acusam governos europeus de adiarem o fim da sobrepesca

    Os ministros das Pescas da União Europeia reunidos em em Bruxelas, na sexta-feira, 15 de dezembro, decidiram as possibilidades de pesca para 2018, «num processo mais uma vez marcado pela falta de transparência», segundo acusam em comunicado de imprensa conjunto, o grupo dos Oceanos da QUERCUS, Associação Nacional de...
  • Investigadores da UAlg dão novo passo no tratamento de tumores cerebrais agressivos

    Uma equipa de investigação do Centro de Investigação em Biomedicina (CBMR) da Universidade do Algarve, da qual fazem parte Ana Rita Monteiro e Patrícia A. Madureira, revela novos alvos terapêuticos para o tratamento do gliobastoma multiforme, o tumor cerebral mais comum e com taxa de mortalidade mais elevada. As...
  • «Os políticos de hoje são os aristocratas de ontem»

    Jorge Kalukembe é o pseudónimo de Jorge Manuel Rodrigues de Jesus, nascido em Angola há 43 anos, e vivendo, desde sempre, entre aquele país africano e Portugal, tendo-se fixado em Portimão há três anos. O nome Kalukembe foi-lhe dado pelos seus conterrâneos, durante o seu percurso em Angola, em...
  • Este Natal, porque não… um chef em sua casa?

    Apresenta-se como um serviço fácil e conveniente. «É só abrir a porta de casa, deixar o chef entrar com todos os utensílios e ingredientes necessários e deixá-lo preparar e servir a refeição. No final, deixará tudo tal qual encontrou», explicam ao «barlavento» Margarida Correia, 37 anos, natural de Santarém...